À primeira luz da segunda-feira, uma reunião de radicais emboscou a cidade de Mocímboa da Praia, em Cabo Delgado, e levantou sua bandeira, afirmou a polícia. O ataque começou depois das quatro da manhã e continuou até o sol nascer. Até a distribuição deste artigo, as Forças de Defesa e Segurança lutaram contra guerrilhas.

O Comando Geral da Polícia da República de Moçambique (PRM), Orlando Mudumane, disse aos jornalistas que às 4h30 de hoje, os malfeitores assaltaram a cidade de Mocímboa da Praia. Eles atacaram o recinto de dormir das Forças de Defesa e Segurança e levantaram sua bandeira na cidade.

Conforme indicado pelas testemunhas, o ataque começou no bairro de Pamunda e, no início de hoje, se espalhou por toda a cidade. O scalawags basicamente abrangeu o local.

Orlando Modumane afirmou, assim, que os transgressores criam bloqueios nas principais portas de entrada da cidade. No momento, eles (as guerrilhas) estão em chamas com as Forças de Defesa e Segurança que estão tentando recuperar o Mocímboa da Praía.

Ouvi os tiros principais quando estava me preparando para ir à mesquita e não havia oportunidade de me abrigar nas áreas florestais. Até agora minha família e eu estamos trancados dentro de casa, afirmou um morador da cidade de Mocímboa da Praia.

Diferentes fontes disseram que alguns dos malfeitores entraram pelo oceano e chegaram até a área de Milamba, onde circularam com as faixas de coleta.

Eles apareceram à primeira luz sendo movidos pelo pontão e começaram a atirar. Pouco tempo depois (os criminosos) de minha casa começaram a perguntar com as faixas escuras escritas em árabe, em direção ao ponto focal da cidade, descobriram um morador que descreveu a circunstância como básica.

Ainda não existem dados ponto a ponto sobre o ataque, mas O País descobriu que as Forças de Defesa e Segurança ainda estão no terreno combatendo os radicais, alguns dos quais fugiram utilizando os navios que os enviaram para a cidade de Mocímboa da Praia.

Os ataques mobilizados em Cabo Delgado começaram na cidade de Mocímboa da Praia em 5 de outubro de 2017.